terça-feira, 26 de outubro de 2010

Nota de Esclarecimento


Bem, diante dos últimos comentários que tenho recebido diante da postagem ´´Direito de Resposta``, concedido a Willian Molina pelo fato ocorrido em Bauru, venho dar minha declaração sobre o que realmente penso sobre tudo, de que lado estou, e o que realmente quero dentro da CPTM.


Quando comecei a fotografar trens, não conhecia absolutamente ninguém na ferrovia. Saí sozinho, com um celular simples, procurando conhecer trens e linhas, e fotografando de forma simples e amadora. Como todos fazemos, comecei a postar as fotos no orkut, e entrei em comunidades da CPTM, onde acabei conhecendo alguns outros fãs de ferrovia, e um deles era Well 700. Vi muitas fotos dele em pátios da CPTM, em cabines dos trens, e dava a entender que ele era funcionário ou algo parecido. Comecei a conversar com o mesmo, que havia dito ter acesso em todos os lugares da CPTM (pátios, cabines...), e recebi um convite do mesmo para conhecer o pátio da Lapa. Diante da situação, não conhecendo ninguém da ferrovia e encantado com a possibilidade de conhecer um local restrito, acabei aceitando a visita. Fomos a esse pátio em 21 de Junho de 2009, onde também visitamos o pátio e oficina da Luz. Antes disso, conhecera Daniel e Willian Molina, em 31 de maio, juntamente com Derick (que hoje é um grande amigo) e Fábio. Nesse dia, fomos até Jundiaí, de onde posteriormente caminhamos até a estação de Jundiaí Paulista, não invadindo qualquer espaço privado da CPTM. Após conhecer Well 700, passei a conversar mais com outros ferroviários, e descobri que o mesmo invadia espaços ferroviários, como os da CPTM e da MRS. Tal fato se confirmou aqui em Rio Grande da Serra, onde ele e Willian Molina foram detidos por invadir o pátio da MRS, sendo que meu pai presenciou tudo (na época, meu pai era segurança da estação de Rio Grande da Serra). Sabendo dessas situações, em nenhum outro momento encontrei Well 700 com a finalidade de invadir espaços das empresas, mesmo tendo encontrado o mesmo em eventos como o a Feira Negócios nos Trilhos, e a entrega do trem série 7000. Mas ambas situações foram por coincidência, não por ter marcado nada.

Na época da entrega do primeiro tue série 7000, entreguei nas mãos do presidente da CPTM, sr. Sérgio Avelleda, um documento com a proposta de fundação de uma associação, sem qualquer ligação com os então membros do FSA, que visava a valorização da companhia, bem como a permissão de visitas técnicas, de reconhecimento daqueles que fotografam e registram a história e evolução da empresa, desde sua fundação até os dias de hoje. Derick e eu fomos chamados na administração da companhia, na Boa Vista, onde fomos recebidos pelo supervisor da linha 11 e pela diretora de marketing. O documento está na companhia, arquivado, e mostra muito claramente qual o nosso principal fundamento dentro da CPTM: fotografar e registrar.


Deixo claro para todos os que me conhecem que eu fui uma vítima, tendo sido fisgado com uma conversa sem muito fundamento do sr. Thomas Wellington. Recentemente, recebi convite do mesmo para ir ao Rio de Janeiro, ´´visitar`` as oficinas da Supervia, convite obviamente recusado por fatores óbvios. Todos os que convivem comigo sabem o quanto admiro trens e a CPTM em si. Jamais fiz qualquer coisa que prejudicasse a empresa, jamais vandalizei qualquer trem ou estação, e sempre levei a marca da companhia adiante. Mas por simples fato de desconhecer pessoas que pudessem me orientar, ou mesmo da situação em que estava entrando, acabei por ser mais uma vítima do mesmo, e hoje tenho sido alvo de comentários de muitos dos ferroviários, como sendo integrante do tão falado FSA (Ferroviários Sociedade Anonima). DECLARO A TODOS QUE NUNCA FIZ PARTE DO REFERIDO GRUPO. Reitero que estive apenas uma vez com Well 700 em visitas de pátio, que foi a que citei. Em nenhum outro momento estive em qualquer invasão com o mesmo, tampouco com seus diretores Daniel e Willian. Tenho testemunhas do que estou dizendo aqui, e todos aqueles que me conhecem, sabem que eu sou sincero e verdadeiro em tudo o que digo e faço. Com humildade e respeito, venho conquistando meu espaço na ferrovia, assim como todos vocês são conhecidos por suas fotos e conquistas. Passei grande parte desses quase dois anos fazendo o que sempre gostei: admirando trens, sempre com responsabilidade e respeito aos proximos, fazendo o que sempre foi correto.
Todas as minhas conquistas na CPTM, foram adquiridas sem a participação de pessoas ligadas ao FSA: viagens na cabine dos trens, primeira visita técnica, amizades com funcionários, participação no programa Usuário Amigo, reunião com diretores sobre a associação... Nunca dependi de nenhum deles para nada, dentro da CPTM. Sempre conquistei tudo com minhas próprias pernas, e se não, sempre tive o Derick como braço direito, onde sempre estivemos juntos em tais situações.


Então, declaro para todos vocês que não compactuo com o sr. Thomas Wellington dos Santos, conhecido por Well 700, tampouco participo de seu grupo. Todos podem ver em minhas fotos que, em grande parte de meus passeios, estou na companhia de Derick, ou então de outro férreo-fã que não seja do grupo FSA. Deixo aqui a confirmação dos fatos, e espero ter esclarecido tudo para vocês. Estou, e sempre estarei do lado da verdade, da justiça e do bem. Não será diferente dentro da CPTM nem com nenhum de vocês que acompanham meu blog. Estou aqui para cultivar o hobby que todos partilhamos, e espero que, com esse post, tudo tenha se resolvido, e que vocês todos entendam o que quero dizer. Aqueles que ainda duvidarem, tenho várias testemunhas que passaram pela mesma coisa, e hoje estão livres e curtindo seu hobby sem maior problema, vide Binho Francorail, Derick, Vinicius Garcia e tantos outros, que ao perceberem que estavam sendo logrados, mais que rapidamente deixaram de conviver com Thomas Wellington.


Estou aberto para receber qualquer comentário ou dúvida, de qualquer um dos ferroviários ou mesmo da CPTM. Simplesmente estou tranquilo sobre tudo isso, e transmito tudo para vocês com a maior clareza possível, para que todos vejam que eu estou dizendo a verdade. Agradeço a atenção de todos.

9 comentários:

  1. Fala Diego! Muito bem explicado isso ai, nem se preocupe, pelo menos eu entendi tudo e muito mais, pois eu tb conheci esse well 700, e pra falar a verdade, tenho muito pra te contar, me manda o seu email, tenho histórias "pesadas", sobre o que ele fez comigo e com outros que não tinham conhecimento sobre a ferrovia. No dia da estrea do 7000, eu estava no tatuapé, vi voce (nao lembro se era voce), e até esse dia eu escutei histórias....então, acho q seria muito bom a gente conversar a respeito, pois o que eu passei foi realmente humilhante e desagradavel.
    Cara, me manda o seu email ou msn, blz?
    Mais uma coisa, Tamanduateí ta linda demais! adorei aquela estação! agora é caminho! só precisa funcionar no horario normal logo, como todas as outras.
    Abraço!

    ResponderExcluir
  2. Olá Lucas! Diante de tantos comentários depois da matéria sobre o que aconteceu em Bauru, houve a necessidade de explicar tudo o que de fato acontece comigo na ferrovia. Todos temos alguma historia para contar sobre vivencias com Well 700... Fica aí o meu email, para vc entrar em contato: silvadiego1991@hotmail.com
    Tamanduateí está realmente muito linda. É uma das mais belas obras da CPTM. Logo deve operar em horário normal como as demais. Abraços

    ResponderExcluir
  3. Boa explicação Diego...compartilho de sua visão...abraços

    ResponderExcluir
  4. É isso aí...E olha que absurdo: posei com o malfeitor sem saber! Hahaha! Olha... Que coisa!
    Diego, eu posso dar a minha credibilidade pois eu vi seu blog nascer. Você é um dos poucos que tem durado porque tem gosto mesmo em atualizar, em escrever pouco, mas, o necessário já que suas fotos falam mais do que suas palavras. Sua história com a ferrovia se assemelha com a minha, mas, eu tive sorte de ter uma amiga que o pai dela trabalha dentro da ferrovia, então, alguma coisa ou outra (conforme o que ele pudesse ajudar), ele arranja como apostilas (na época, fazia um TCC), contatos, explicações porque eu era "verde" mesmo de ferrovia, de trem eu só sabia onde as linhas poderiam me levar e male-male as séries e suas histórias (como o modo que o 2100 veio parar na América do Sul). Depois disso, quando o VST foi fundado, MUITOS, MAS, MUITOS ACASOS foram surgindo. Admiração por parte dos feroviários, boca-a-boca, entregar papel com endereço do blog p/ maquinista que eu nunca vi na vida, morrendo de vergonha (não parece, mas, certas vezes não sou de falar com gente que não conheço do nada, o famoso "puxar papo"), o Twitter foi essencial, o que aliás, trouxe muita gente bacana que lê o blog. Aliás, fiquei mais próximo de pessoas dos fóruns ferroviários que eu pesquisava quando fazia TCC por causa do Twitter, tanto que aí é que fiz a primeira visita monitorada organizada pelos fóruns ferroviários. Mas, se hoje eles conseguiram essa possibilidade, eles tem agradecer ao cara do centro da fotografia desta postagem, o Dr. Avelleda por ver que é necessário abrir esses espaços para evitar que apareçam outros Thomas, William's e Daniel's.
    Você, meu caro, foi uma VÍTIMA, uma inocente vítima. Se tem amizade ou não, isso é um problema seu. Muitas vezes gostamos de outras coisas nas pessoas mas não aturamos certos modos de pensar delas, suas opiniões divergem.
    Sobre o nome: essa É sua identidade. Não é porque um acha isso, outro acha aquilo você deva mudar. MUDE mas se isso REALMENTE LHE INCOMODAR. Não porque ALGUÉM ACHA ISSO OU AQUILO OUTRO.
    É só, meu caro, desculpe, pois eu sei que foi um RT meu que deu toda essa "polêmica".

    ResponderExcluir
  5. Caro Ítalo, agradeço sua postagem. Realmente, voce viu esse blog nascer, e ele foi concebido basicamente depois de ver o seu. Com isso, pouco a pouco fomos crescendo, expandindo, atualizando, até que de repente alcançamos as primeiras mil visitas... E veio a repaginação do blog, novo layout, novas fotos... E ganhamos notoriedade entre os ferroviários... Tudo começou pela vontade maior de divulgar a CPTM Brasil afora, e veja que rumo tudo isso tomou... Tenho visitantes de vários lugares da Europa, Ásia e África, além de todos os brasileiros ferroviários. Informações, fotos, notícias, acasos... essa seria a básica do blog, mas tomou um rumo muito maior... tornou-se um portal da CPTM, equiparado ao site oficial da companhia. Eu fico feliz em receber tantas visitas, saber que meu trabalho é admirado por tantas pessoas, e que esse modesto blog é reconhecido por tantos seguidores. Quanto ao seu RT, não tem porque se desculpar. Hora ou outra isso iria acontecer, e foi bom acontecer logo, para acalmar os animos de todos e ficar tudo resolvido de uma vez. Fui aceito novamente na comunidade da CPTM no orkut, e estou interagindo com todos os presentes. Seu RT que gerou tudo isso, mas gerou benefícios, isso eu garanto a você. Agradeço pela participação de sempre nesse humilde blog, e seja sempre bem-vindo.

    ResponderExcluir
  6. Diego, tudo bem?

    Meus parabéns pela sua postura, é assim que se faz. Um trabalho bem feito e honesto, que enobrece um patrimônio de todos nós. Como já te disse sou funcionário da Companhia e desde criança admirador da ferrovia como um todo. Tomo a liberdade de dia desses tomarmos um café e batermos um papo sobre trens, beleza? Forte abraço.

    Paulo

    ResponderExcluir
  7. Olá novamente Paulinho. Agradeço pelos elogios voltados à postura que tomamos frente aos problemas que surgiram. Todos aqueles que conhecem o nosso trabalho sabem que estou aqui por puro hobby, sem querer destruir a imagem da CPTM. Hoje em dia está tudo esclarecido, e todos sabem o que eu realmente quero dentro da empresa.
    Seu convite será bem-vindo. Entrarei em contato quando houver uma data conveniente para esse bate papo ferroviário =D Abraços!

    ResponderExcluir
  8. Olha não vim aqui me defender e muito menos criticar nenhum insulto com o meu nome aqui nesse blog, porem o que ha de mais engraçado e que a cada dez fotografos de vcs 9 foi eu que apresentei a sociedade ferroviaria certo? não só como vc diego, como o lucas a cima, derick,binho,william,michel,andré,varios outros nesses 16 anos de fotografia, eram invasões,fotografias sem autorizações, pois na quela epoca Diego isso por volta de 2000 até 2007 era impossivel se fotografar autorizado, vc apanhava como apanhei varias vezes, mas vejo que a revolta de vcs todos comigo não é por causa disso...e sim pelo meu antigo acervo ferroviario de placas que eu tinha que por sinal o mais novo colaborador de vcs William Molina da Silva, ou Will pra vcs, deu para um sucateiro vender no ferro velho né, eu acho Diego, que era bom vc começar a vizitar a casa dos seus amigos para ver oque vc ira encontrar na casa da maioria deles, pq sei muito e pra varios deles ainda eu quem forneci,placas,capacetes,camisetas, etc...então não me julguem somente e julguem tambem a todos que por de algum meio tem essas coisas outro exemplo seria o nosso amigo Marcio que trabalha na MRS até materia no jornal saiu de uma coleção imença de placas que ele tem e aih vc acha que como foi que ele conseguiu? edson tibucio do Rio de Janeiro tem um CTC na casa dele, Ferpa de FCZ tambem tem, e muitos outros Pq só eu sou oh encluso, só eu sou o prejuldicado, por morar perto...então começam a refletir tudo isso, e digo uma coisa tambem éh não adianta criarem atrito,rebeldia com a minha pessoa sou o pioneiro da fotografia ferroviaria de SP e RJ eu que revolucionei a fotografia, as melhores fotos que tem em SITES sao minhas, agora tb na revista ferroviaria e redator do RAILBUSS,e em breve tb trabalhando na Ferrovia, vão fotografar,vivam a CPTM intensamente, eu desejo sorte a todos vocês, procuem buscar algo mais que a CPTM como eu fiz como luiz fez como o william fez, que vocês vão ter rotatividade...

    tenho uma coisa a declarar tb...

    " de uma vez por todas ou eu esqueço esse povo todo de vez ou serei como um cancer maligno na vida de voces quando vcs pensam que fez cirurgia e foi embora, eu estarei de volta mais forte do que nunca se viu..."

    Saudações,

    Thomas Wellington.
    Well 700.

    ResponderExcluir
  9. Esse kra (WELL 700) é um pilantra um Sacripanta Disse que tem autorização disso e daquilo.
    Quase eu e uma galera fomos presos no Rio de Janeiro por causa desse elemento.
    não fiquei nem na expedição com medo de ele aprontar alguma.
    A Galera aqui no Rio já esta adotando uma estrategia serissima para conter ele.

    ResponderExcluir

Olá! Obrigado por comentar no blog. Pedimos a gentileza de não usar palavras ofensivas contra a empresa nem contra seus funcionários, ou mesmo contra o blogueiro. O objetivo do blog é informar e compartilhar conhecimento.

Siga o blog por email

Seguidores