terça-feira, 22 de março de 2011

"Poesia na CPTM" exibe poemas de Vinícius de Moraes na Estação Jundiaí

Poesia na Estação Luz: Obras estarão também em Jundiaí


O projeto "Poesia na CPTM" chega à estação Jundiaí, na próxima quinta-feira [17], permitindo aos usuários contemplar poemas de Vinícius de Moraes, expoente da literatura e música brasileira, fixados em vários pontos da estação, que pertence à Linha 7-Rubi [Luz-Jundiaí].

O público poderá embarcar na leitura dos poemas Soneto da Fidelidade, Soneto de Amor Total, Allegro, A Rosa de Hiroshima e Poética que estarão expostos nas paredes da estação, impressos em lonas suspensas por cabos de aço com letras grandes, que facilitam a leitura mesmo a distância.

A ação iniciada em dezembro, na estação Luz, já ocupa também paredes das estações Barra Funda, Brás, Itaim Paulista e Grajaú, abrangendo as seis linhas do sistema ferroviário.

A exposição deverá permanecer em cartaz por três meses. Após esse período, obras de outros poetas populares deverão ser selecionadas para uma nova etapa.

Idealizado pelo poeta Carlos Figueiredo, da Companhia de Poesia, o projeto adotado nas estações das linhas 1-Azul, 2-Verde e 3-Vermelha do Metrô, desde o final de 2009, tem o objetivo de usar espaços públicos para difundir a arte e provocar nos usuários o interesse pela poesia.

Ficha técnica
Idealização do projeto: Carlos Figueiredo
Direção de Arte: Talita Marimon
Seleção de poemas: Carlos Figueiredo
Produção: Adriana Bocoli/ Talita Marimon.
Execução: Companhia de Poesia
Realização: CPTM e Governo do Estado de São Paulo

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Olá! Obrigado por comentar no blog. Pedimos a gentileza de não usar palavras ofensivas contra a empresa nem contra seus funcionários, ou mesmo contra o blogueiro. O objetivo do blog é informar e compartilhar conhecimento.

Siga o blog por email

Seguidores