sexta-feira, 27 de janeiro de 2012

Projetos para reforma das estações da Linha 10 ficam prontos até agosto

Estação Rio Grande da Serra - Linha 10-Turquesa
Fonte: Repórter Diário

Será divulgado na próxima segunda-feira (23) o nome da empresa que vai realizar o projeto executivo para reforma de algumas das estações da linha 10 da CPTM. O principal motivo para readequação das paradas da linha turquesa é a implantação do Expresso ABC, promessa antiga do governo do Estado.
Ao elaborar o projeto executivo, o vencedor da licitação ficará responsável por apontar as diretrizes que deverão ser adotadas pela construtora durante a reforma das estações. Uma espécie de “manual” que deverá ser seguido pela empresa que fará a obra.
Cada detalhe deve constar no projeto, como por exemplo, estudos do sistema viário da região, levantamento topográfico, e equipamentos necessários para a operação da estação. Fazem parte também itens com paisagismo, comunicação visual e instalações hidráulicas.
A empresa que será anunciada como vencedora do certame na próxima segunda-feira, ficará responsável por elaborar o projeto executivo para reforma das estações Ipiranga, Utinga e Prefeito Saladino.
Na terça-feira (24), a CPTM vai divulgar o resultado de outra licitação, que vai definir quem ficará responsável pelo projeto das estações Ribeirão Pires e Guapituba. O mesmo acontece no dia 9 de fevereiro, na licitação que inclui as reformas das estações São Caetano e Brás.
“Estas estações ficarão no padrão Tamanduateí, muito mais moderno, com critério de acessibilidade e já preparadas para o Expresso ABC”, explica o líder do PSDB na Assembleia Legislativa e membro da Comissão de Transportes, Orlando Morando.
As empresas vencedoras das licitações terão oito meses para elaborar os projetos. Após esta fase, o governo abrirá outra licitação para definir qual construtora irá fazer a reforma das estações. No entanto, não há prazo para que isso aconteça.

Atraso
Se a promessa feita pelo ex-governador José Serra tivesse sido cumprida, as estações da linha 10 já teriam sido reformadas, e o Expresso ABC estaria em funcionamento. O tucano prometeu – reiteradas vezes -, durante sua gestão, que o Expresso ABC entraria em operação em 2010.
A promessa, no entanto, não se traduziu em verbas suficientes para que o projeto saísse do papel. A previsão do governo Alckmin é que a linha expressa comece a funcionar em 2014.
Quando estiver em funcionamento, o Expresso ABC deve facilitar o transporte de quem mora na região e precisa ir para São Paulo. O trem vai partir de Mauá e deve seguir até a estação Brás ou Luz, parando somente nas principais estações, como Santo André, São Caetano e Tamanduateí, o que deve diminuir o tempo de viagem. A linha será operada através de uma PPP (Parceria Público-Privada).

5 comentários:

  1. Hoje me aconteceu algo incriveu, ontem eu mandei um e-mail pra CPTM solicitando informações, e hoje uma funcionaria da empresa me ligou, respondendo.
    Minhas duvidas, eram se quando a estação Guapituba for reconstruida a plataforma será Central e a resposta foi um sim, e a outra foi mais uma sugestão a de levar os trens da linha 10 e 11 a fazeren terminal na estação Barra Funda aceitaram e agradeceram pela sugestão

    ResponderExcluir
  2. Gostaria de saber se o Expresso ABC servirá a estação Ipiranga? Muito obrigado. Irineto

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Irineto, o Expresso ABC não irá contemplar a estação Ipiranga. Apenas Luz, Brás, Tamanduateí, São Caetano, Santo André e Mauá.

      Excluir
  3. diego eu queriA SABER SE EXPLESSO VAI TEM PONTO FINAL OU NA LUZ OU BARRA FUNDA

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. De acordo com o projeto, terminal na Luz.

      Excluir

Olá! Obrigado por comentar no blog. Pedimos a gentileza de não usar palavras ofensivas contra a empresa nem contra seus funcionários, ou mesmo contra o blogueiro. O objetivo do blog é informar e compartilhar conhecimento.

Siga o blog por email

Seguidores