sexta-feira, 27 de abril de 2012

Louveira na luta para estender trens da CPTM até Campinas

Louveira também quer trens da CPTM
Fonte: Jornal de Itupeva

A luta para estender as linhas de transporte de passageiros por trens da Companhia Paulista de Trens Metropolitanos (CPTM) até Campinas registrou mais uma atividade nesta quarta-feira, 18, desta vez em São Paulo.

Depois de percorrer cinco municípios da região, o Sindicato dos Trabalhadores em Empresas Ferroviárias Paulista (SindPaulista) realizou Audiência Pública na Assembleia Legislativa de São Paulo. Louveira foi representada pelo vereador Reginaldo Lourençon (PSDB), que participou de todas as audiências desde a criação do movimento, em agosto de 2011.

O objetivo do movimento é sensibilizar a CPTM e o governo estadual para que amplie a linha 7 Rubi, que liga São Paulo a Jundiaí, estendendo-a até Campinas. Nesse traçado, os municípios de Louveira, Vinhedo e Valinhos também seriam beneficiados, interligando-a Região Metropolitano de Campinas, com o Aglomerado Urbano de Jundiaí e a metrópole paulista, permitindo que o trem seja utilizado para o deslocamento de estudantes, trabalhadores e pessoas que hoje dependem exclusivamente do transporte rodoviário para chegar até a capital.

“O trem serviria para integrar diversas cidades da região e São Paulo, com um custo menor, passagem a preço acessível, gerando empregos e reduzindo o impacto do trânsito”, comentou o vereador Reginaldo, que complementou afirmando que o movimento já ganhou força e apoio da população. “Se hoje levamos duas horas para chegar a São Paulo, daqui a dez anos a viagem de carro poderá demorar até seis horas, porque as rodovias estão cheias e paradas. O trem é a solução”, concluiu.

A mesa foi composta por autoridades locais e estaduais, sendo comandada pelo presidente da SindPaulista, Francisco Aparecido Felício. Estavam presentes os deputados Gerson Bittencourt e Pedro Bigardi, e os vereadores Ana Tonelli (Jundiaí), Sérgio Benassi (Campinas), Lorival (Valinhos), Carlos Páfaro (Vinhedo) e Reginaldo Lourençon (Louveira), além do representante do Ciesp, Gilson Aparecido Pichioti.

Um comentário:

  1. É uma idéia muito interessante, mas seria muito difícil a linha 7 ser extendida até Campinas, pois sua estrutura está precária e a viagem de Jundiaí à Luz que possui quase 60km já é longa, chegando a durar até duas horas e com essa extensão, ficaria ainda pior.
    Uma solução ideal seria implantar o expresso noroeste da Linha 7 Rubi, que ligaria as estações da região de Campinas até a estação de Caieiras, passando por Jundiaí, Várzea, Campo Limpo, Francisco Morato, Franco da Rocha até Caieiras. A linha a partir de então seguiria até o centro, sem paradas, até a estação Lapa ou Água Branca, reduzindo e muito o tempo de viagem.

    ResponderExcluir

Olá! Obrigado por comentar no blog. Pedimos a gentileza de não usar palavras ofensivas contra a empresa nem contra seus funcionários, ou mesmo contra o blogueiro. O objetivo do blog é informar e compartilhar conhecimento.

Siga o blog por email

Seguidores