sexta-feira, 31 de agosto de 2012

Expresso Leste deverá chegar em Palmeiras-Barra Funda em 2013


Fonte: DAT

O secretário de Estado dos Transportes Metropolitanos, Jurandir Fernandes, admitiu a possibilidade de antecipar para o fim de 2013 a chegada do Expresso Leste a Suzano. Segundo ele, que até então previa a vinda do trem até julho de 2014, as obras de reforma da nova estação que estariam dentro do cronograma, a aquisição de nove trens para as Linhas 11 - Coral (Luz/Estudantes) e 12 - Safira (Brás/Calmon Viana), que atendem o Alto Tietê, são fatores que devem contribuir para a redução do prazo.

"O prazo inicial é 2014, mas estamos fazendo de tudo para entregar antes do previsto", afirmou Fernandes, que, inclusive, prometeu uma "viagem teste" dos novos trens recém-adquiridos pelo governo do Estado até a cidade de Suzano.

"A determinação do governador Geraldo Alckmin (PSDB) é promover uma viagem com conforto aos usuários do Alto Tietê, eliminando o chamado transbordo em Guaianases. A idéia é transferir para Suzano a baldeação dos usuários que viajam entre Mogi das Cruzes e a capital. Atualmente, as transferências ocorrem na estação Guaianazes, o que causa transtorno para milhares de usuários da região, que todos os dias sofrem com o aperto e o empurra-empurra para entrar e sair dos trens nos horários de pico. Nove trens devem vir para Suzano neste semestre, sendo que um deles deve fazer uma viagem teste no mês que vem, para avaliar o impacto do Expresso na cidade", detalhou o secretário estadual.

Ele contou que os novos trens terão oito carros com salão contínuo e serão acessíveis para pessoas com deficiência física ou mobilidade reduzida, contando com dispositivos de orientação para deficientes visuais e auditivos.

"Vale lembrar que outros 65 veículos novos devem ser adquiridos pelo governo estadual para padronizar todo o sistema ferroviário, ou seja, mais trens virão para a região no futuro", frisou Fernandes, informando ainda que a Estação de Ferraz de Vasconcelos também deve ser entregue em 2014.

De acordo com assessoria de Imprensa da Companhia Paulista de Trens Metropolitanos (CPTM), a infraestrutura das linhas 11 e 12 estão sendo modernizadas, com a implantação de novos sistemas de sinalização, telecomunicação, energia, rede aérea e via permanente, além da reforma das estações.

Os investimentos que estão em andamento nas duas linhas são da ordem de R$ 389 milhões, dos quais R$ 232,4 milhões são para a linha com destino a Estudantes, e R$ 166,4 milhões para a linha que segue até Calmon Viana.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Olá! Obrigado por comentar no blog. Pedimos a gentileza de não usar palavras ofensivas contra a empresa nem contra seus funcionários, ou mesmo contra o blogueiro. O objetivo do blog é informar e compartilhar conhecimento.

Siga o blog por email

Seguidores