terça-feira, 11 de setembro de 2012

Governador anuncia R$ 705 milhões para modernização da Linha 7-Rubi


Fonte: CPTM

O governador Geraldo Alckmin anunciou nesta segunda-feira, 10, investimento de R$ 705 milhões para modernizar a Linha 7 [Luz-Jundiaí] da CPTM.

"Hojé é um dia histórico. Nós estamos fortalecendo o modal ferroviário, que é um pedido antigo da população. O trem é a nossa total prioridade", ressaltou Alckmin ao informar que todas as estações da Linha 7 serão reformadas, inclusive a de Jundiaí.

A companhia concluiu a contratação dos projetos básicos e executivos para a modernização ou reconstrução de oito estações. Outras quatro terão os editais para licitação publicados até o início de 2013. No total, serão investidos cerca de R$ 30 milhões nos estudos e R$ 675 milhões em obras.

Os projetos básicos e executivos, cujos contratos foram assinados nos últimos meses, referem-se às estações Pirituba, Perus, Caieiras, Baltazar Fidelis, Botujuru, Campo Limpo Paulista, Várzea Paulista e Jundiaí.

Esta última, por tratar-se de patrimônio tombado pelo Condephaat, contempla o restauro da estação.

Todas as estações serão adequadas para o novo volume de usuários e vão dispor de escadas rolantes e de todos os itens de acessibilidade como elevadores, piso e rotas táteis, comunicação em Braille e adequação de corrimãos. Também vão dispor de banheiros públicos e de uso exclusivo para usuários com deficiência ou mobilidade reduzida. Mezanino de acesso e passarela para transpor a faixa ferroviária completam os projetos das estações que serão reconstruídas.

A previsão é que em 2013 os projetos básicos e executivos sejam concluídos, permitindo à CPTM publicar os editais de contratação das obras, com horizonte de entrega entre 2014 e 2015, de acordo com a complexidade dos trabalhos a serem executados.

Até o começo do próximo ano, também serão publicados mais quatro editais visando à contratação dos projetos básicos e executivos das estações Água Branca, Lapa, Piqueri e Vila Clarice.

Atualmente, três estações da Linha 7 estão sendo reconstruídas: Franco da Rocha, Francisco Morato e Jaraguá. Além dessas, a linha ganhará nova estação em 2013. Trata-se de Vila Aurora, que está sendo construída entre as estações Jaraguá e Perus.

A CPTM está trabalhando para adequar suas 89 estações às exigências de acessibilidade: oito estão em obras e 38 já são acessíveis, de acordo com as normas vigentes. O investimento para tornar todas as estações acessíveis é da ordem de R$ 2,3 bilhões.

Além da modernização das estações, a infraestrutura da Linha 7, a exemplo das demais linhas que integram a CPTM, também está sendo recapacitada com a implantação de novos sistemas de sinalização, telecomunicação, energia, rede aérea e via permanente. As obras permitirão que os novos trens que já estão sendo entregues para a frota da CPTM tenham melhor desempenho, com impacto na redução do intervalo e aumento da oferta de lugares.

Com 420 mil usuários por dia útil, a Linha 7 atende a sete municípios: São Paulo, Caieiras, Franco da Rocha, Francisco Morato, Campo Limpo Paulista, Várzea Paulista e Jundiaí.

Estações que serão modernizadas
Em obras: Franco da Rocha, Francisco Morato, Jaraguá e Vila Aurora

Licitação aberta para contratação de projetos básico e executivo: Pirituba, Botujuru, Baltazar Fidelis, Perus, Caieiras, Campo Limpo Paulista, Várzea Paulista, Jundiaí.

Editais de licitação para contratação dos projetos a serem publicados até início de 2013: Água Branca, Lapa, Piqueri e Vila Clarice.

3 comentários:

  1. Definitivamente Demorou D+ essas obras começarem, insisto em afirmar por aqui mesmo o Descaso com a Linha 7-rubi e provando mais uma vez, que essa linha é sempre a ultima á receber algum reparo (minimo que seja), o que eu menos acho justo é o que o secretário de Estado dos Transportes Metropolitanos, Jurandir Fernandes em entrevista, remanejar trens da Linha 8 para a 7 (5000 ou 3000)e o nosso Governador aceitar e apoiar tal decisão, e os 7000 continuarem impedidos de voltarem todos mais uma vez para a linha 7, seria bacana serem feitos licitações para compra de outra Frota novinha em folha só para a linha 7-rubi para compensar o descaso com os 7000, a linha 11-coral não vai ter os 9000 só para eles!?... então façam os 9500 ou até 10000 só para a linha 7-rubi, não importando quem possa ganhar (caf, alston, siemens ou até a Bombardier), o que vale é que seja tudo novo (estações, sistemas de sinalização, telecomunicação, energia, rede aérea e via permanente e claro os trens.)...
    Meu querido Diego.... na verdade vc sabe que frota vai ser remanejada para a linha 7-rubi? o que vai acontecer com os 1100 e 1700? o 7000 ficará definitivamente na linha 9 com os 7500? vai ser mesmo os 5000 ou 3000 que virão?

    ResponderExcluir
  2. a linha 7 rubi precisa urgentemenete de pesados investimentos,principalmente no trecho dentre Jundiaí e Francisco Morato pois eu acho que nesse trecho precisaria de mais prioridade nas obras de substituição de trilhos manutenção das vias permanentes manutenção geral da rede aérea e implantar um sistema de sinalização mais sofisticado e evoluído nesse trecho para assim elevar a velocidade para pelo menos 90 km/h em todo esse trecho ,assim como toda a extensão da linha 7 deve serem tratados dessa maneira e aplicada essas melhorias citadas em toda a extensão da linha 7 porque não é somente fazer estações novas e comprar trens novos a infra estrutura como um todo também precisa passar por grandes e profundas melhorias em toda a extensão da linha 7 assim como deve também ser o caso de todas as demais linhas da cptm

    ResponderExcluir
  3. bom eu sou usuário diario da linha 7 ...de domingo a domingo ... e eu sou um dos usuários acho que a linha tem seus pros e contras ... eu peno que a linha 7 na verdade não está esquecida ... e sim ela tem que sofrer muitos estudos para se implantar algo ... vejamos seu valor histórico ...tem estações ali da virada do século passado ... como jaragua ... perus ... fora a vila ferroviaria em pirituba ... algumas casas remanscentes de ex funcionarios da spr no padrao ingles ao longo da via ... então para se modernizar precisa ter cuidado para nao derrubar mais a história que ja foi derrubada ... estações que nao tiveram tempo de ser tombadas simplesmente foram demolidas para as contruções mais modernas no lugar como vila clarice...pirituba...aguabranca...lapa ... e nem se deram ao trabalho de deslocar a estação nova um pouco a frente ou um pouco atraz para manter a original ... eu acho que para muitos que são usuários ou quem nao entende patavinas de ferrovia é mais facil usar o padrao de pensamento brasileiro tradicional ... manda a baixo ... controi tudo novo e moderno e dane-se a história ... só as fotos do que foi ja basta ... e depois de anos vem se arrepender ... "aqui tinha uma estação bonitinha ... da época do brasil colonia ... pena que demoliram para construir essa estação gigante de concreto armado cinza e vermelha" ... inclusive o proprio 1100 apesar de canibalizado por anos ... perdendo seu padrão ... é um trem histórico ... o primeiro budd do brasil. .. o trem mais antigo da frota ... o unico trem nos dias de hoje que trafegou na lendária efsj ...chegou a fazer o percurso completo de santos a jundiaí ... e esse é um trem que eu torço para que demore muito ainda para sair do sistema e quando sair torço para pelomenos uma unidade completa 6 carros vá para a abpf para ser dividido em 2 composições de 3 carros e se restaure todos os detalhes originais ... desde a mascara ... até sua peculiaridade que é a cabine reversa que era usada nos fins de semana de pouco movimento como litorina

    ResponderExcluir

Olá! Obrigado por comentar no blog. Pedimos a gentileza de não usar palavras ofensivas contra a empresa nem contra seus funcionários, ou mesmo contra o blogueiro. O objetivo do blog é informar e compartilhar conhecimento.

Siga o blog por email

Seguidores