segunda-feira, 9 de março de 2015

Locomotivas U20C

GE U20C #3157, no pátio da Luz, em São Paulo: CPTM conta com duas locomotivas desse modelo
Por Diego Silva
Fonte: Wikipédia

As locomotivas General Electric de modelo U20C são famosas em grande parte do eixo sudeste brasileiro, principalmente dos anos 1980 para cá. Utilizadas em larga escala para diversos serviços (seja manobra, trem de passageiros, reboque de trens unidade, líder de trens cargueiros e etc), são máquinas dinâmicas e de fácil operação.

As primeiras unidades datam do ano de 1968. Essas locomotivas foram projetadas especialmente para trechos com restrição de gabarito e de peso, podendo operar em qualquer bitola dentro do especificado entre 0,914 m até 1,676m. Foram construídas quase mil unidades, estando presente em países como Brasil, Estados Unidos, Indonésia, África do Sul e Alemanha.

Podemos listar as seguintes locomotivas:

Ferrovia País Bitola Quantidade
C.F. de Luanda Angola 1,067m 40
Caminho de Ferro de Benguela Angola 1,067m 34
Metropolitano Argentina 1,000m 2
Empresa Nacional de Ferrocarriles Bolivia 1,000m 8
Rede Ferroviária Federal S.A. Brasil 1,000m 188
Rede Ferroviária Federal S.A. Brasil 1,600m 30
Ferrovia Paulista SA Brasil 1,000m 109
Ferrovia Paulista SA Brasil 1,600m 26
Ferrocarriles Nacionales de Colombia Colômbia 0,914m 10
Indonesia State Rlys PJKA Indonésia 1,067m 30
Aqaba Railway Corporation Jordânia 1,050m 18
C.F. de Moçambique Moçambique 1,067m 114
Pakistan Railways Paquistão 1,676m 42
South African Railways* África do Sul 1,067m 190
Sudan Railway Corp Sudão 1,067m 10
Turkish State Railways - TCDD Turquia 1,435m 40
Zambia Railways Zâmbia 1,067m 83
National Railway of Zimbabwe Zimbábue 1,067m 10

Atualmente, é possível encontrar as U20 em diversas ferrovias brasileiras, dada a dissipação da Rede Ferroviária Federal e da Fepasa em diversas outras empresas, que venceram a concessão ferroviária em 1996. Como exemplos mais fáceis, podemos citar a MRS Logística e a ALL Logística, que circulam por São Paulo, como detentoras de locomotivas desse modelo. Nas linhas 7, 10, 11 e 12 (que compartilham trilhos entre trens de carga e de passageiros), é possível ver diariamente as locomotivas U20 rebocando outras locomotivas maiores e mais alguns vagões de carga. Algumas pessoas se perguntam o motivo de uma locomotiva menor tracionar um conjunto maior: isso ocorre pelo simples fato das U20 possuírem o mesmo sistema de tráfego que os trens da CPTM, chamado de ATC (Automatic Train Control).

GE U20C 3147-2 e GE C30-7M 3725-0 com plataformas vazias passando por Ribeirão Pires, na Linha 10 da CPTM
Até meados de 2012, algumas locomotivas da ALL Logística ainda trafegavam pela Linha 8 da CPTM, em horários pré-determinados. Com o fim do tráfego de carga naquele trecho (dada a modificação de bitola entre Amador Bueno e Itapevi de métrica para larga), não foi mais possível ver nenhuma U20 métrica passeando pelos trilhos metropolitanos da Zona Oeste.

GE U20C #3822 da ALL Logística, ainda nas cores da antecessora Fepasa, passando por Itapevi em 2010
GE U20C #7814 na saída do Porto de Santos/SP, nos fins de 2011.
CPTM
Atualmente, a CPTM conta com apenas duas locomotivas desse modelo, de numeração 3157 e 3159. A primeira atende principalmente os trechos das linhas 7 e 10 (reboque de trens unidade, tração de vagões com dormentes e manobras, além do Expresso Turístico como locomotiva reserva). A segunda atende reboque de trens unidade e manobras nas linhas 8 e 9. As linhas da Zona Leste são atendidas por outro modelo de locomotiva (Alco RS3).

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Olá! Obrigado por comentar no blog. Pedimos a gentileza de não usar palavras ofensivas contra a empresa nem contra seus funcionários, ou mesmo contra o blogueiro. O objetivo do blog é informar e compartilhar conhecimento.

Siga o blog por email

Seguidores